You are on page 1of 6
ey. Cent, Prod. A, 4,02, 2006 Avalagio AgronOmica de Varledades de Cana-de-Agiar para Fins Forrageiros em Rondénin, (Cauto Ramatho Townsend Newton de Lucena Cost, Rodolpho de Alm Tors, Jodo Paulo Guimaraes Soares’, Ricardo Gomes de Armjo Pest’, oto Avelar Magathics! RESUMO - Avaliouse odesempenhosaronfmico das vatiedades de cans-e-apca (RB 72-4S4, RB 78-5148, RB 73-9735, RB 73-9359, RB 83-5486, $P71-1406, $P79-011,CB 483, (CB 47-355, NA 36-79 etestemunha) ingoduzida em Renda. O delineamento experimental {oj em blocos casuslizados com tes repetigdes. O plano fi realizado em novembre de 1999 {0 corte em junho de 2001, As plantas apesentaram altura media de 3,69, A RD 83-5486 presntou o menor pore ea RB 73-9359 o maior ARB 78-5148 apreseniou o maior tor Ge MS. 44RD 72-454 menor (P-0,01). As vaiedades mo deriram eis (P>0.01) em elago ao "Bre (Os readimentos més de MV e MS foram de 208 e $8 Una, respectivamente,destacano-se 8 RB 73.9735 que no diferi ds RB 72-484, RB 78-5148, RB 73-9359, SP 71-1406, SP79-1011, (CB 45-3, CB 47-355 ¢ NA S6-79 (P>0.01). Em médias plantas apresentaamn $80; 7.0, 40 10% de colmos, ponies, flhas verdes e sees, respectivamente. As variedades RB 73.9733, RB 78-5148, RB 73-9389 ¢ CB 47-385 se destaaram das dems ns produsto de oragem,f20t de agcateso paricipago de coor. Palavras-chave: AmazSnia Ovidental, valiagdoagronémica, urinates, Sacharam Agronomic Evaluation of Sugarcane Varieties for Ends Forages in Rondnia ABSTRACT - The agronomie peformance of sugarcane varieties (RE 72-454, RB 78 $5148, RB 73.9735, RB 73-9359, RB 83-8486, SP 71-1406, SP 79-1011, CB 45-3, CB 47-355 [NA 56-79 and tei ntxtuced in Rondona - Brazil was evaluated. Iwas used @ randomized blocks design, wih dhe replications. The planation was cared out in November of 1999 and the harvesing gocurred in June of 2001. The plants presented average height of 3,9 m. ‘The RB 83-5486 presented smaller height and RD 73.9359 was higher than another varieties, “RB 78-5148 presented the largest DM content and RB 72-484 the smallest (P<.01) Tae "Bei level have not been diferent ofthe varieties (P>0.01).The average veld of GM and DM were ‘f 208 and 55 Us, respectively with RB 73-9735 reaching the lsgest ones, not beng diferent of RB 72-454, RR 78.5148, RB 71-1906, SP 79-101], CHAS-3, CH 47-355 and NA 5679 (P0001). Me plans showed average values of 88.0, 7.04.0 and 1.0% of stems tip green and Ary leaves, respectively. The varieties RB 75.9755, RB TIS148, RB 73-9359 and CB 47-388 hore presented he best general performance, with regard io forage prodition, sugar content and steam partcpation, Key Words: Amazonian Wester, gsoromicevaution ruminant *Pesqusadar da Embrape Renda causio@eptioembrap bs) Pesquisas Emre Amps (newioneplapembraps Pesuisncr da Embra Gado de ate, *Peopindo du Ease lo No reap mapa). ‘Re Cent Prod. Anim. 8, 2.2, 2006 Introduce Em Rondénia, a exploragdo pecuisi, seja de core ou leis, tem nas_pastagens cukivadss a fone mais econémica para a alimentagio dos rebanhos, as quais na sua :naora sto formadas por gramineas. Na época chuvosa, geralmente, hi maior disponibilidade e forager de boa qualidade, © que assegura obiengSo de indices zootéenics satisfies. [No entanto, na época seca ocore 0 apostoe, como conseqiénei, a baixa disponibilidade {de forragem afeta seriamente 0 desempenho ‘animal, implicand em perda de peso, declinio acenuado ds produto delete, diminuigao da fertilidadeeenfraquesimento gerel do rebanbo, ‘Uma ds alterativas a fim de contomar esta situap20 seria ousode suplementaro alimentar durante 0 periodo eric (Costa et al, 1996), Por ser uma cultura perene, de ficil implanagio © mancjo, conciliada a0 clevado rendimento forrageiro, a cana-de- agicar representa uma medida apropriads fe econémica para suplementagio alimentar do gudo, jd que sua eolheita se di durante © periodo seco (Rodrigues ct a, 1998). Quanto ‘0 aspect nutricional, ao contri das demais sgramineasropicsis, mantém seu valornutitivo praticamenteinalterado por peiodos de tempo relativamente longos, devido 20 aumento da cconcentragio de sacarose, com 0 avango na idade da planta, havendo.simultaneamente redupdo na concentras2o de components de patede celular (Peixoto, 1986; Andrade etal, 2008), Um dos principasfatores que limitam a ‘sua utilizago na alimentaydo de ruminantes € ‘a baixa degradabilidade ruminal da fbr, além dos baixos teres de proteina bruta (Rodrigues etal, 1997; Ferandes eta, 2003), A camedeajucar ¢ um planta da familia Poaceae, do género Saccharum, ‘endo que os atiais cultivares so hibridos, ccuias consituiedes sencticas participa a S, (offciarum, S spontaneum, S.sinense, S harbieri eS robustum (Oliveira, 2008). Glaz (2002), também considera a cana-de-aguear 6 como sendo um bibrido interespecifeo. de ‘Saccharum spp. No Brasil 2 cana-de-apucar tem sido cultivada desde Amazonia até © Rio Grande do Sul, Isso gora diferentes ‘comportamentos de produgio em fungao do cima, soo, prticas cultures e das variedades de cana-de-aguear (Gomes, 2003). Nesse context, a seleglo de variedades adaptadas {© produtivas constitu um dos fatores mais imporantes na cultura da cana (Toes © Resende, 1997) Nestetrabalhoavaliou-seodesempenho agronémico de onze variedades de eana-de- ‘apcarvisando selecionar as mais produtivas ‘© adaptadas as condigdes edafocliméticas de ‘Ouro Preto do Oeste, Rendinia Material e Métodos © enstio foi conduzide no Campo Experimental da Embrapa Rondéni, localizado no municipio de Ouro Preto do Oeste, Rondénia (400 m de aliude, 10%83" de latitude sul e 62°15" de longitude aeste), durante 0 periodo de novembro de 1999 a juno de 2001. O clima da regito é do tipo ‘Am, com precipitagdo anual entre 1.680 € 2,000 mm ¢ estagdo seea bem definida (junho a setembro). A temperatura média anual & de 25,00C e « umidade relativa do ar em torno de 83%, O solo de Area experimental & um podzilico vermelho-amarel, textura médi com as seguintes caracteristcas quimicas, 8 profundidede de 'a 30 em: pit em agua (1225) = 6,3; Al = 0,0 emoleidm; AIFF. 23,1 emole’dm3, Ca-+ Mg = 29,0 emole'dm3; K "2,05 emoleldms e P= 2,0 mgidms (0 delineamento experimental foi em blavos easualizados com tals repetighes, OS lwalamentos consisiram de der variedades introdusidas e uma testemunha local de cana de-apicar. As parcelas foram consttuidas por cinco fileiras de 8,0 m de comprimento com fespagamenta de 1,2 m. As avaliagdes foram tealizadas em 6,0 m das tes filciras centr Em novembro de 1999, realizou-eo plant, para tanto © solo foi arado, gradcado suleado (1,2.m x 0.30 m), Os colmos foram istribuidos, de forma a se manter pé com ponta, em densidade de 12 a 15 gemasim, sendo postriormente secionados. A corregio o solo visou clevar a saturagio por bases a ‘50%, No planto foram distibuidos nos suleos 100 kya de P.O, (superosfato triplo}, 33 kay laa de K20 (cloteio de poistio) ¢ 33 kya de [Nena forma de ui, Decorrdos aproximadamente 60 ¢ 90 4ias do panto, reptvese as doses de K,OeN, 0 cone foi realizado manualmente er junho de 2001, quando foram avalindos os seguintes parimetos: altura de plans; concentasio de sblidos soliveis (Brix), determinada em mostra de caldo extraida de quatro colnos, uilizando-se refratimetro manual de alto contrase marea Shibuya-I2I; ter de matéra, seca; produsdo de matria verde @ seca © paricipesao. dos componentes da plants (colmos,ponteiras, fothas verdes ©5663). Resultados e Discussto ‘A. panic de abrilimaio todas as variedades inroducidas inciaram o processo de pendoamento, em média © florescimento dos estandes foi de 43% (Tubela 1), 0 menor indice (5%) foi eonststado com SP 71-1406 «© omaioe (75%) com a testemunha, indicando ‘que a resposta das variedades aos estimulos ue induzem ao forescimento, ais como alt temperatura, umidade e Tuminosidade, que ‘ocorrem na regido, foi diferenciado entre els, Este comportamento deve ser considerado na selopto do variedades, buscando-se aquelas ve apresentem menor pendoamento, pois a0 floeseer# planta vesst fase vegetative, induzindo a senescéncia das folhas © 0 hochamento dos eolmas, com iss0, 0s teres 4 apicerdiminiem drasticamente, enguanto {que ode fiber sumentam, comprometendo @ ‘Valor nutitivo da cana (Matsuoka e Hofman, 1993). Rey. Clent, Prod. Anim. 8, 0.2, 2006 A altura média das plantas foi de 3.69 1m (Tabela 1), com a RB 73.9359 obtendo 0 maior porte (3,97 m) ea RB 83-5486 0 menor 8,50 m), 0 acamamento de plantas no foi significative, em media 4% dos estandes, ‘nfo havendo uma rekigio direta entre of dois parimetrs. Durante o ciclo vegetative no se observou 2 ccorréncia de pragas. No ‘momento da colheita foi atrbuido nota quanto a0 aspecto ftossanitivio do estande, em uma scala de 15 (1 ~aixaincidéncia de pragas, 5 ~ elevada incidéncia de pragas), todas as ‘variedades introduzidas receberam pontuagio 1s indicando a esisténcia & peaga, ou que a pressdo de pragase patégenos ainda & baixs no local de avalagio. ‘A variedade RB 78-5148. obteve os raiores teores de MS (27,6), superiones aos observados com a RIB 72-884 ¢ CB 45-3 (proximos 2 25%), que ao diferiram das emaisvariedades, Estes niveis s80 menores {que os reportados por Torees etal, (2001) € Meirelles e Mochiuti (1999) e pdms 408 ‘obtidos por Rocha etal. (1998). As variedades introduzidas no difercam esatisticamente entre si quanto 20s tores de sls soliveis, expressos em Brix, com média de 186° sendo estes ives. satsfatérios conforme recomendado pot Rodrigues et al. (1997), [Numericamente os menoresteoresde agucares, foram obtidos com a RB 73-9359 (17.4), enquanto gue a testemunha atingiv 17.7 4 0 maiores nives (19,7) com a SP 79-1011 Estes valores si0 menores aos que reportaram Torres etal. (2001), superiores aos obtidos por Rocha et al. (1998) e proximos aos relatados por Rodrigues et al. (1997) © Meicclles e Mochiut (1999). Os rendimentos médios de MV e MS foram do 208 ¢ SS va (Tabela 2), respectivamente. ARB 73-9735 atingiu o= smaioresrendimentos de MV (247 tha), sendo superior a RB 35486 e estemunha. Quanto aprodusdo de MS, as que se destacaram foram as RB 73.9735, RB 73-9359, RB 78-5198, CB 47-355 © NA 56-79, com produydes que ”