You are on page 1of 2

DIREITO DO TRABALHO ETAPA 4 PASSO 2 QUESTOES 1 E 2

1. Quais os elementos/requisitos para que se configure a denominada justa causa? Que verbas têm direito o empregado que é despedido sob tal alegação? Modalidades de despedida (dispensa): por justa causa, sem justa causa, arbitrária, nula ou abusiva. A despedida (dispensa) "por justa causa" encontra-se disciplinada no art. 482 da CLT: "Art. 482. Constituem justa causa para rescisão do contrato de trabalho pelo empregador: a) ato de improbidade; b) incontinência de conduta ou mau procedimento; c) negociação habitual por conta própria ou alheia sem permissão do empregador, e quando constituir ato de concorrência à empresa para a qual trabalha o empregado, ou for prejudicial ao serviço; d) condenação criminal do empregado, passada em julgado, caso não tenha havido suspensão da execução da pena; e) desídia no desempenho das respectivas funções; f) embriaguez habitual ou em serviço; g) violação de segredo da empresa; h) ato de indisciplina ou de insubordinação; i) abandono de emprego; j) ato lesivo da honra ou da boa fama praticado no serviço contra qualquer pessoa, ou ofensas físicas, nas mesmas condições, salvo em caso de legítima defesa, própria ou de outrem; k) ato lesivo da honra e boa fama ou ofensas físicas praticadas contra o empregador e superiores hierárquicos, salvo em caso de legítima defesa, própria ou de outrem; l) prática constante de jogos de azar. Parágrafo único. Constitui igualmente justa causa para dispensa de empregado, a prática, devidamente comprovada em inquérito administrativo, de atos atentatórios à segurança nacional. (Parágrafo acrescentado pelo Decreto-lei nº 3, de 27.01.66) " Quando um empregado é demitido por JUSTA CAUSA, ele tem direito: SALDO DE SALÁRIO: Se o empregado foi demitido por justa causa no dia 15, por exemplo, ele tem direito a esses 15 dias trabalhados. Se foi demitido no dia 4, tem direito a esses 4 dias trabalhados. Se foi demitido no dia 30, tem direito aos 30 dias trabalhados. Ou seja, quando o Empregado trabalha, no fim do dia, ele tem direito adquirido a receber o dia trabalhado, independente de qualquer coisa. SALÁRIOS ATRASADOS: Da mesma forma, se um empregado possui salários atrasados, tratase de direito adquirido, pois já houve o trabalho efetivo. Dessa maneira, quem é demitido por justa causa, tem direito sim aos salários que estão atrasados. FÉRIAS VENCIDAS (se houver): Se o empregado jamais recebeu o pagamento de férias e tem férias vencidas para receber, este tem o direito de receber, ainda que sua demissão tenha sido por justa causa.

Configura-se o dano moral se. a honra ou a boa fama da pessoa. A inafastável publicidade daí oriunda atinge de forma indelével a honra da pessoa. por si só. 482. A ausência de comprovação do alegado ato de improbidade não traduz. CLT) e. a. necessariamente. por meio do Poder Judiciário. do ponto de vista pessoal. A caracterização do dano moral pressupõe. além da dispensa do empregado em virtude de suposto ato de improbidade não comprovado.2. dano moral. ter comprovado que não cometeu a conduta que lhe foi imputada. sob alegação de ato de improbidade (art. . e também a instauração de inquérito policial em decorrência do mesmo fato. Na hipótese de um empregado ter sido despedido por justa causa. 3. familiar e social. teria o empregado direito a indenização por danos morais? SIM. a existência de prova inequívoca de prejuízo a imagem.