You are on page 1of 5

Relação custo X volume X lucro

Ponto de equilíbrio
Ponto de Equilíbrio é aquele nível de operação da empresa no qual gastos e receitas se equivalem, resultando em
lucro zero. Em consequência, acima do ponto de equilíbrio a empresa terá lucro e abaixo dele a empresa terá
prejuízo.
Podemos encontrar o ponto de equilíbrio em quantidade e em valor:
- Quantidade:
Representa a quantidade mínima que deverá ser vendida pela empresa para não ter nem lucro e nem prejuízo.
- Valor:
Corresponde à Receita de Equilíbrio, que significa o mínimo de Receita (pu x q) que a empresa deverá obter para
não ter nem lucro e nem prejuízo.
Para que serve o ponto de equilíbrio?
Em primeiro lugar, a determinação do Ponto de Equilíbrio permite que a gerência avalie o desempenho atual da
empresa com relação ao nível de operação de lucro zero, alertando a para a eventual necessidade de medidas
corretivas urgentes.
Em segundo lugar, definindo a quantidade ou o preço das vendas a partir dos quais a empresa começa a gerar
lucros, a determinação do Ponto de Equilíbrio traz uma contribuição direta e importante para a função de
planejamento da empresa. Determinado o chamado ponto-morto, a superação desse ponto passa a ser um
objetivo prioritário da gerência.
Finalmente, a determinação do Ponto de Equilíbrio faculta uma visão do relacionamento entre gastos, vendas e
volumes (quantidade), permitindo um cálculo rápido e bem aproximado dos efeitos que as alterações promovidas
sobre uma dessas variáveis produzirão sobre as demais.
Ponto de equilíbrio em quantidade e em valor
O Ponto de Equilíbrio poderá ser encontrado por meio da equação, da demonstração ou representação gráfica.

Receita Total = Custos Totais

PE=
GFT___

PEr = PVu X PE
(MCu)

Exemplo:
Preço de venda por
unidade
Gastos variáveis por
unidade
Gastos fixos totais

PE =
GFT___

R$ 15,00
R$ 10,00
R$ 2.000,00

PEr = PVu X PE
(MCu)

PE =
2.000___
5
PE = 400 unid.

PEr = 15 X 400
PEr = $ 6.000

apresenta um Preço de Venda unitário para seu produto de R$ 15.00.00 Encargos de Depreciação = $ 20.Des.00 (estão incluídos nos CF apresentados no valor de R$ 100. por exemplo. Apresenta. a quantidade que equilibra a receita total com a soma dos custos e das despesas relativos aos produtos vendidos. O Custo de Oportunidade representa a remuneração que a empresa obteria se aplicasse seu capital no mercado financeiro. Assim.00 x 15% = $ 60. _ .Exercício 01: Ponto de equilíbrio contábil. Considerando. Oprt. não Desmb. _ (MCu) Exemplo: A Cia VINE Ltda.00 Taxa de juros do Mercado: 15% Custo de Oportunidade = $ 400. PE = GFT___ (MCu) Ponto de Equilíbrio Econômico (PEE): É a quantidade que iguala a Receita Total com a soma dos custos e despesas acrescida da remuneração mínima sobre o capital investido pela empresa. ou seja. Esta remuneração mínima corresponde à taxa de juros do mercado multiplicada pelo capital e é denominada pelos economistas de Custo de Oportunidade. _ GFT_+ C. os encargos de depreciação são excluídos no cálculo do PEF por não representarem desembolso para a empresa. a empresa VINE. também. _ (MCu) PEE = 100 + 60 = 32 unidades 5 b) PE = GFT___ (MCu) PE = 100 = 20 unidades 5 c) O PEF é encontrado subtraindo-se os encargos de depreciação dos Custos Fixos: PEF = GFT_. PEE = Oprt. não Desmb. PEF = GFT_.00 e Gastos Variáveis por unidade de R$ 10. (MCu) Ponto de Equilíbrio Financeiro (PEF): É a quantidade que iguala a Receita Total com a soma dos custos e despesas que representam desembolso financeiro para a empresa.Des.00. Gastos Fixos no valor de R$ 100. suponhamos que: Capital empregado pela empresa: $ 400. em vez de aplicar no seu próprio negócio. econômico e financeiro Ponto de Equilíbrio Contábil (PEC): É o Ponto de Equilíbrio que estamos vendo até agora.00) a) PEE = GFT_+ C. ainda.

00 por unidade • Custos Fixos R$ 400.00 por mês Sabendo-se que o preço de venda do produto é de R$ 250.80 a unidade • Mão de obra do operário R$ 1. uma empresa faz os seguintes gastos: • Custos Variáveis R$ 120. A companhia Amianto fabrica telhas para todo o Brasil. chegou à seguinte conclusão com respeito aos seus custos e às suas despesas: Sabendo-se que o preço de venda é de R$ 2.700 – 1.00 por unidade. referente à Receita gerada pela empresa (última do gráfico de $ 6.000. o Econômico é maior que o Contábil.000). responda às questões abaixo: Quantos trompetes devem ser produzidos e vendidos por ano para atingir o ponto de equilíbrio? Qual é o valor da receita nesse ponto? Pratique: 1..00 por mês • Despesas Variáveis R$ 80.E. Cada telha é vendida por R$ 8. podemos observar a Margem de Segurança em valor de $ 1.00 por unidade • Despesas Fixas R$ 200.000. Margem de segurança A Margem de Segurança pode ser definida como o volume de vendas que excede as vendas calculadas no Ponto de Equilíbrio. Receitas Atuais MS = 1.700 MS% = 29%. O volume de vendas excedente para analisar a Margem de Segurança em relação ao valor real das vendas: MS = Receitas Atuais – Receita no P. que é maior que o Financeiro.400 (GABARITO) .200 1. por meio de um levantamento na sua Contabilidade de Custos. sendo que os gastos são: • Custos Fixos Totais de R$ 99. quantas unidades a empresa deverá produzir para atingir o Ponto de Equilíbrio? Exemplo 2: A Empresa Paulista de Trompetes S.80 a unidade Apure o valor do Ponto de Equilíbrio em quantidade: Resposta: 29. Exemplo 1: Para fabricar um produto de sua linha normal de produção.00 a unidade • Diversos custos variáveis R$ 0.00.000.A. Receitas Atuais MS = Qatual – QPE Exemplo: MS = Receitas Atuais – Receita no P.000. MS$ = $500 No gráfico.000) e a Receita no Ponto de Equilíbrio ($ 5.960 • Matéria-prima de R$ 2.(MCu) PEF = 100 – 20 = 16 unidades 5 Pode-se generalizar a seguinte relação entre os Pontos de Equilíbrio apresentados: PEE > PEC > PEF Assim.E.00 por unidade.

00 Receita Unitária R$ 800. e num determinado período verificou-se que foram produzidas e vendidas 80. maior será o grau de incerteza em relação à rentabilidade projetada e.00 a unidade • Diversos custos variáveis R$ 0. b) Se a empresa produzisse e vendesse 2. (c) financeiro: a) Resposta: 2.000.000/mês Preço de venda: $ 5.500 unid.O grau de alavancagem operacional de uma companhia indica 9 . O patrimônio líquido da empresa é de $ 10.000 m2/mês $3.200 unidades (GABARITO) 4 .00 Se a produção for de 2. 3 .000 b) Resposta: lucro $1.Dadas as Informações abaixo.2. qual seria o lucro? Qual seria a Margem de Segurança? c) Aumentando-se agora para 3.00. e os custos fixos totalizam $ 4.000.000.00 por unidade Apure o valor do Ponto de Equilíbrio em quantidade: Resposta: 27. no ponto de equilíbrio. por unidade. portanto. responda: Custos Fixos 600.600 unid 5.00. responda: Custos Fixos 600.500 e MS 29% c) Resposta: 1 . Sabendo-se que no mesmo período a empresa incorreu nos seguintes gastos: • Matéria-prima = R$ 25. (b) econômico. o lucro será de: Resposta: 75. é de: Resposta: Zero (GABARITO) 5 .Quanto maior for o grau de alavancagem operacional de uma empresa.Defina Ponto de Equilíbrio. A frase está certa ou errada.A Cia AIR apresentou durante o ano o preço unitário de venda de R$ 150.994. Calcule os Pontos de Equilíbrio: (a) contábil.Dadas as Informações abaixo.000 unid.000 (GABARITO) 7 . Cada telha é vendida por R$ 8. justifique a sua resposta. responda: Custos Fixos 600. e sua taxa mínima de atratividade é de 10 % ao ano.000 m2 de ladrilhos.80 a unidade • Mão de obra do operário R$ 1. Resposta: 127. por ano.960 • Matéria-prima de R$ 2. .700 (GABARITO) 4. menor será o retorno esperado.500 m2 de ladrilhos por mês. O lucro.Dadas as Informações abaixo.000 Custo Variável Unitário 400 Receita Unitária 900 A receita total do ponto de equilíbrio é de: Resposta: 108.000 Custo Variável Unitário 400 Receita Unitária 900. c)Resposta: 1. qual será o novo lucro? a) Resposta: 2.00 Custo Variável Unitário R$ 500.00 por unidade • Custos fixos = R$ 1.000 (GABARITO) 2 .Com base nos dados abaixo: Custos Fixos R$ 600.000.80 a unidade Apure o valor do Ponto de Equilíbrio em valor: Resposta: 235. dos quais $ 800 são relativos à depreciação. Considere os dados de uma empresa fabricante de ladrilhos: Custos e Despesas Variáveis: $ 2. por unidade. Custo Fixo Total de R$ 7.000. Uma empresa produz um produto compreço de venda de $ 8.400 no período • Mão de obra do operário = R$ 53. é monoprodutora. b) Resposta: 2. Calcule a quantidade do ponto de equilíbrio financeiro. A companhia Amianto fabrica telhas para todo o Brasil.00/m2 a) Determine o Ponto de equilíbrio. Os custos variáveis são $ 6.00 m2 Custos e Despesas Fixas: $ 6.250 unidades.200 (GABARITO) 3. o Custo Variável Unitário de R$ 60 .000 unidades ao preço de venda unitário de R$ 150.5 (GABARITO) 6 .As quantidades vendidas acima do Ponto de Equilíbrio Contábil são consideradas: 8 . sendo que os gastos são: • Custos Fixos Totais de R$ 99. A empresa Sorte Ltda.000 Custo Variável Unitário 400 Receita Unitária 900 O ponto de equilíbrio é igual a: Resposta: 1. o Custo de oportunidade de R$ 475 e a depreciação de R$ 835. Despesas Fixas Totais de R$ 4.

6 (GABARITO) 11 .500.00 (GABARITO) .00. Resposta: 1.A Todo Poderoso Ltda.000.000. Considerando que foram produzidas e vendidas 950 unidades no período. Custo Fixo Total de R$ 20.Uma empresa obteve um LUCRO de R$ 6.920. Despesas Variáveis Unitárias de R$ 10. Pede-se: Determinar o Grau de Alavancagem Operacional verificado no período.A empresa RIOS apresenta os seguintes valores para o período X: Preço de Venda Unitário R$ 200 Custo Fixo R$3.00 no período produzindo e vendendo 1. a sua Margem de segurança em quantidade é de: Resposta: 25 (GABARITO) 13 . apresenta os seguintes dados de determinado produto em certo período: preço unitário de venda de R$ 100.000 unidades.10 . Considerando que a empresa vende 75 unidades no período. calcule a Margem de Segurança em valor.O que é Margem de Segurança? Resposta: Margem de Segurança pode ser definida como o volume de vendas que excede às vendas calculadas no ponto de equilíbrio. Resposta: 45.000. Despesas Fixas Totais de R$ 9. Sabendo que com um aumento de 20% na quantidade produzida e vendida o LUCRO da empresa aumentou para R$ 7.700. 12 . Custo Variável Unitário R$ 140. o Custo Variável Unitário de R$ 30.