You are on page 1of 2

18 de MARÇO 2010

A GAZETA DOS MUNICÍPIOS

Página 2

Página 3

A GAZETA DOS MUNICÍPIOS

18 de MARÇO 2010

Maria Teresa pede obras não realizadas nas Caieiras
A vereadora Maria Teresa Paolicchi (PSC) pediu à Prefeitura de Taubaté atenção a três questões no bairro das Caieiras. O primeiro ponto é relacionado à quadra de esportes do bairro, que precisa de reparos no piso, cobertura, e mudança no local dos disjuntores ou instalação do sistema de acendimento automático de luz.Em relação às caçambas do bairro, a vereadora explicou que o número atual é insuficiente para o despejo de lixo dos moradores. “Há apenas uma caçamba no bairro, e os moradores sugerem a instalação de, no mínimo, mais duas. É comum atearem fogo nela quando há grande acúmulo de lixo, sinal de insuficiência da caçamba de suportar o depósito de todo o lixo.”O terceiro ponto é a necessidade de conclusão da obra do galpão que destinado à reciclagem de materiais, que apoiaria a implantação da coleta seletiva na comunidade. “O galpão foi construído, porém até agora o trabalho de reciclagem não começou, afinal, as obras não foram concluídas. É necessário fechar as laterais, fazer o piso e também colocar portas no local. Enquanto isso não ocorrer, o móvel não será ocupado e irá se deteriorar.”

Escritor Wilson Gorj lança livro Prometo ser breve no dia 20
Aparecida será sede no próximo dia 20 de março, sábado, de um acontecimento cultural. Será o lançamento do livro “Prometo ser breve” do autor aparecidense Wilson Gorj.”Prometo ser breve” é uma obra publicada pela editora carioca Multifoco e composta por textos minimalistas: micro-contos, poemínimos e brincadeiras no “Reino da Palavra” (aforismos, trocadilhos, tiradas humorísticas). A noite de autógrafos terá início às 20h. A Divisão de Cultura fica na antiga estação ferroviária, à Rua Valério Francisco s/nº - Centro – Aparecida. O autor - Wilson Gorj. Nasceu em Aparecida em 1977 e é visto com um grande poeta da nova geração, de aguçado tom humorístico, autor em 2007 do livro ‘Sem Contos Longos’ , uma obra composta por 100 micro-narrativas.

Atuação de bancos Unitau discute estrangeiros não trouxe responsabilidade social maior qualidade de das empresas com serviços para o mercado representante da ONU financeiro nacional
Na década de 1990, o Brasil passou por várias modificações em seu sistema bancário, reestruturando os padrões de concorrência do setor e dando início ao processo de abertura comercial e financeira. Com essas transformações, diversos bancos estrangeiros aumentaram sua participação no mercado bancário nacional, intensificando processos de fusões e aquisições, tanto por instituições estrangeiras como por instituições nacionais, colaborando para o aumento da concentração bancária.Patrícia Camargo, autora de A evolução recente do setor bancário, lançamento do selo Cultura Acadêmica, explica que a abertura do mercado aos bancos estrangeiros motivou especulações de que a concorrência iria ampliar-se, possibilitando uma maior qualidade e diversificação dos produtos e serviços financeiros, bem como a modernização tecnológica e o aumento na eficiência do sistema. Entretanto, contrariando as expectativas, os bancos adotaram uma postura conservadora em relação aos títulos públicos e, mesmo havendo aumento da atuação de bancos estrangeiros no mercado brasileiro, o sistema financeiro nacional não obteve mudanças significativas.Buscando analisar se essas características do sistema bancário brasileiro ainda prevalecem, A evolução recente do setor bancário estuda as atuais estratégias dos bancos nacionais, comparando-as conforme o tipo de controle, seja público, privado nacional ou privado estrangeiro. A autora verifica as diferenças e semelhanças entre as instituições selecionadas e entre esses tipos de controle, analisando os diversos modos de atuação dos bancos estrangeiros no Brasil e no exterior, e esclarecendo se os últimos adotaram estratégias diferentes de atuação conforme sua localização.Para a realização deste trabalho, foram selecionadas oito maiores instituições por valor de ativos totais, como Banco Central, Caixa Econômica Federal, Itaú, Bradesco, Unibanco, ABN – Amro, Santander e HSBC, no período de 1998, após a entrada de bancos estrangeiros no Brasil, até o 1º semestre de 2008.Sobre a autora – Graduada em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual de Campinas (2005) e mestre em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2009). Atualmente, trabalha como analista no setor de Desenvolvimento Urbano da Caixa Econômica Federal. Tem experiência na área de Economia e atua, principalmente, nas áreas de Sistema Financeiro e Setor Bancário. Serviço Título: A evolução recente do setor bancário Autora: Patrícia Olga Camargo Número de páginas: 324 ISBN: 978-85-7983-039-6 Coleção: PROPG-Digital Programa de PósGraduação: Economia. A Universidade de Taubaté realizará o Seminário de Gestão Empresarial com o tema “A Responsabilidade Social Empresarial”. O evento, que será promovido neste sábado, dia 13, a partir das 8h30, discutirá as ações sociais que podem ser desenvolvidas pelas empresas e a importância dessas atividades no universo empresarial, inclusive como diferencial de competitividade no mercado.O assunto será discutido pelo engenheiro Vitor Gonçalo Seravalli, Presidente do Comitê Brasileiro do Pacto Global da ONU e Diretor de Responsabilidade Social da Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp). Na conferência, serão debatidos, dentre outros assuntos, o retorno significativo que a responsabilidade social traz para os negócios e o reconhecimento e o respeito da sociedade adquiridos a partir dessas ações, bem como a importância para as empresas de refletir sobre as decisões do cotidiano que podem causar impactos na sociedade, no meio ambiente e no futuro dos próprios negócios.O seminário também contará com a palestra “Lições de perseverança”, que será ministrada pelo Prof. Dr. Saidul Rahman Mahomed, empresário e editor da Qualitymark Editora, reconhecida nas áreas de recursos humanos, de responsabilidade social e de

Presidente Lula diz em Israel que tem o vírus da paz desde que era bebê
Determinado a ser um dos mediadores da paz entre Israel e a Palestina, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse no dia 15 que não se lembra da última vez em que brigou. Ele afirmou que carrega no corpo o “vírus da paz” desde que era bebê. O comentário ocorreu durante discurso a empresários, em Jerusalém, segundo a BBC Brasil.”Eu acho que o vírus da paz está comigo desde que estava no útero da minha mãe. Não me lembro do dia em que briguei com alguém”, disse o presidente.Bem-humorado, Lula arrancou risos da plateia, inclusive do presidente de Israel, Shimon Peres, ao dizer que no PT há divergências que causam inveja em qualquer um. “Eu já fiz muita disputa política, pertenço a um partido complicado (...). Temos divergências políticas de causar inveja a qualquer pessoa do mundo”, acrescentou.Ao defender a busca pela paz, Lula citou um encontro com o ex-presidente dos Estados Unidos George W. Bush, em 2003, quando disse ao norte-americano que o Iraque não era um problema do Brasil e que sua prioridade era combater a miséria.”Pensei que teria animosidade na minha relação com o presidente Bush. Como fui sindicalista a vida inteira, imaginava que ia brigar muito com os Estados Unidos. Eis que o presidente Bush terminou o mandato e eu vou terminar o meu sem que tenhamos tido nenhuma divergência. Quando tivemos, resolvemos por telefone”, afirmou.Segundo Lula, todos devem tentar acabar com as divergências e buscar o acordo. Como exemplo, citou o impasse com a Bolívia, quando o presidente Evo Morales impôs resistências à atuação da Petrobras no seu país. “O primeiro discurso foi tomar a Petrobras. Mas entendemos que o gás era um direito da Bolívia, um patrimônio do povo boliviano e fizemos um acordo com eles.”Em seguida, o presidente lembrou a pressão que sofreu para ser mais incisivo com o governo Morales. “Tinha gente que queria que o Brasil fosse duro com a Bolívia. Talvez por causa da minha origem, não conseguia perceber como um metalúrgico de São Paulo ia brigar com um índio boliviano. Dialogamos e hoje estamos numa relação excepcional”, disse.Para o presidente, o esforço do Brasil é para buscar o bemestar da região, sem isolar um ou outro nem adotar medidas que beneficiem apenas os brasileiros.”A nós brasileiros não nos interessa sermos grandes e ricos, se estivermos cercados de pobres. Não é sensato do ponto de vista da geopolítica estar cercado de gente mais pobre que você de todos os lados”, afirmou Lula.O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, disse que durante a reunião de Lula com Peres foi discutida a possível participação do Brasil no processo de paz. “Ele valorizou muito o papel do Brasil em mais de uma situação, podendo ajudar a promover o diálogo. Ele acha que essa capacidade de fazer amigos com todos pode ser muito útil nessas situações, mas ali não era o momento de se discutir esses detalhes”, afirmou o diplomata.Lula conversou ainda com os empresários israelenses sobre as oportunidades de investimento no Brasil, citando o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a Copa do Mundo, as Olimpíadas, o trem de alta velocidade entre Campinas, São Paulo e o Rio e as oportunidades de exploração de petróleo na Bacia de Campos.

Em Campos do Jordão a Farsa do Bom Enganador se apresenta na estância

finanças. A palestra abordará assuntos voltados para a gestão empresarial. Durante o evento, também será realizada a entrega de certificados de conclusão de curso para os alunos de especialização, de MBA’s e do Mestrado em Gestão e Desenvolvimento Regional.O Seminário de Gestão Empresarial é promovido há 12 anos e visa discutir, anualmente, temas que estão em destaque na gestão executiva atual e também assuntos relacionados à carreira do executivo. Dirigido a alunos e a professores, o evento será realizado no auditório do Departamento de Engenharia Civil, que fica na Rua Expedicionário Ernesto Pereira, n° 99, centro.

Agentes fiscais serão capacitados para combater a dengue em Pinda
Na luta contra a dengue, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, realizou, no dia 16 de março, em seu auditório, das 8h30 às 12 horas, capacitação para os fiscais municipais contra a dengue. O objetivo é preparar os fiscais para que tenham um olhar crítico sobre a dengue, sabendo identificar seus focos. Os fiscais deverão visitar casas, conversar com pessoas e transmitir as instruções de como evitar o surgimento de focos. Caso haja algum criadouro, eles devem avisar a Vigilância, para que esta tome as devidas providências.Para evitar a proliferação do mosquito, é preciso não deixar acumular água nos pratinhos de flores; em pneus; e manter os terrenos limpos, entre outras medidas.”Todos precisam estar atentos para o problema da dengue, por isso estamos capacitando os profissionais. Pois se na casa tiver um criadouro é preciso avisar aos moradores para procurar a Vigilância, para que possam atuar de imediato e da forma correta”, concluiu a gerente de Controle das Populações Animais da Secretaria de Saúde, Débora Jaguaribe.

Senac São Paulo anuncia ampliação de vagas para bolsas de estudo em 2010
O projeto Circuito Cultural Paulista chega a sua 4ª edição, realizando cerca de 800 apresentações culturais em 72 municípios do estado de São Paulo.Campos do Jordão, que desde o ano de 2009, participa do evento, recebe neste sábado às 16h, na Praça do Capivari o espetáculo teatral “A Farsa do Bom Enganador”, da Cia. Buraco D’Oráculo.O espetáculo baseado na sátira anônima do século XVII “La Farce du Maítre Pathelin (A Farsa do Mestre Pathelin), conta de forma única a estóri do advogado falido Dr. Calafanje, um mestre na arte de enganar, que junto com sua mulher Nuculote armam mais um golpe para a primeira vítima que avistarem.Foi nessa que fez negócio com Salabaeto, um duvidoso comerciante, que acredita ter feita a venda perfeita oferecendo tecidos que não tem tanto valor.Entre muitas confusões e trapaças que conhecerão Lazarino, aí o circo realmente está armado e para resolver toma essa trama chega a juíza com suas verdades que não são validadas.”A Farsa do Bom Enganador” é uma adaptação e direção Atílio Garret, estando no elenco Adailton Alves (Dr. Calafanje), Selma Pavanelli (Nuculote/ Juíza), Edson Paulo (Salabaeto) e Lu Coelho (Lazarino), com duração de 50 m e classificação etária de 12 anos.No mês de abril a atração será musical com Isca de Policia, no dia 24/04, na Concha Acústica do Capivari.O Circuito Cultural Paulista promoverá, neste ano, 360 espetáculos culturais em teatro, dança, música, filmes, circo, todos com entrada franca, sendo uma parceria da Secretaria de Estado da Cultura com as prefeituras das cidades participantes.Informações em Campos do Jordão na Secretaria Municipal de Cultura pelo telefone (12) 3664 4554.
Instituição disponibilizará mais de 47 mil bolsas. Para concorrer é preciso ter renda familiar de, no máximo, um salário mínimo e meio por pessoa (R$ 765) Para dar oportunidade de acesso a cursos profissionalizantes e a capacitações para pessoas em condições de baixa renda, o Senac São Paulo dá continuidade à ampliação da sua Política Senac de Concessão de Bolsas de Estudo. Em 2010, a instituição abrirá 35.385 vagas para bolsas de estudo em todo o Estado de São Paulo. Além disso, outros 12.191 estudantes que iniciaram o curso em 2009 continuam este ano. Das 35.385 vagas, 26.216 atendem à determinação do novo regulamento do Senac em destinar 25% da receita compulsória para bolsas integrais, em cursos técnicos de todas as áreas, programas Aprendizagem, Educação para o Trabalho, Capacitações, como Garçom e Cozinheiro, entre outros, com carga horária igual ou superior a 160 horas. No Vale do Paraíba, serão beneficiados 979 novos alunos, sendo 295 na unidade do Senac São José dos Campos, 392 no Senac Taubaté e 292 no Senac Guaratinguetá. Além das vagas para bolsas integrais, a Política Senac de Concessão de Bolsas de Estudo prevê a oferta de cursos com descontos que variam de 50 a 100% com carga inferior a 160 horas. Neste ano serão ofertadas 9.169 vagas com essas características.De acordo com o gerente de desenvolvimento do Senac São Paulo, Roland Zottele, a Política de Bolsas da instituição é constantemente adequada para aumentar as oportunidades de inclusão social por meio da educação. “Faz parte da nossa missão capacitar profissionais para o mercado de trabalho. Ampliando o acesso das pessoas em condição de baixa renda, por meio da Política de Concessão de Bolsas de Estudo do Senac, conseguimos potencializar as chances deste público na busca de uma boa colocação no mercado de trabalho. “Em 2009, o Senac São Paulo superou a meta estipulada pelo MEC de destinar 20% da receita compulsória para a abertura de novas vagas para bolsas de estudo e ofertou 29.357 bolsas gratuitas em cursos profissionalizantes e capacitações. Esse total corresponde a 33% a mais da quantidade prevista para o início do ano, que eram 22 mil vagas.Os interessados podem verificar a relação de turmas e as respectivas unidades que oferecem as bolsas por meio do portal da instituição (www.sp.senac.br/ bolsasdeestudo).Mais informações podem ser obtidas por meio do portal da instituição www.sp.senac.br/ bolsasdeestudo.Cursos técnicos Para potencializar o acesso de pessoas em condição de baixa renda a capacitações gratuitas, o Senac São Paulo oferecerá 748 bolsas de estudo em cursos técnicos, com início no 2º semestre, nas áreas de administração, saúde e bemestar e tecnologia da informação. Para se candidatar a uma das vagas, o interessado também deve ter renda familiar de, no máximo, um salário mínimo e meio por pessoa, R$ 765 (considerando-se o salário mínimo nacional). As inscrições devem ser efetuadas no portal www.sp.senac.br/ bolsasdesestudo até o dia 15 de maio. ParceriasO Senac São Paulo tem feito várias parcerias com escolas públicas, CEUS, ONGs, entre outros, para ampliar o acesso à Política de Bolsas. Recentemente assinou com a Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social (SEADS), em Vinhedo, no interior do Estado, um termo de compromisso que possibilitará aos integrantes do programa estadual Ação Jovem realizarem capacitações gratuitas. A iniciativa visa inserir esses jovens no mercado de trabalho, por meio de cursos que compõem o Programa Senac de Gratuidade como , por exemplo, o Programa de Educação para o Trabalho – Novas Conexões, que prepara este público com técnicas profissionais para atuar em diversas áreas e desenvolver atitudes empreendedoras.

EXPEDIENTE
Editada por Editora Flor do Vale Jornalismo Comunicação e Promoção Ltda CNPJ: 61.661.328/0001-43 Rua dos Lírios, 171- Flor do Vale - Tremembé - S.P. Tel. (0xx12) 3672-2257 - Fax (0xx12) 3672-4831 CEP 12120-000 E-mail: editoraflordovale@terra.com.br Registro no INPI 81717790 Impresso em 18/03/2010 Diretor responsável pela publicação: Daniel Domingues Ribeiro PRT 004860 Diretora Comercial: Dolores Russo Editoração Eletronica e Impressão: Gráfica do Jornal da Cidade R. Júlio Prestes, 164 - Pindamonhangaba Representante em São Paulo REVESP Representações Ltda. Alameda dos Jurupes, 455 Conj. 46 - São Paulo -CEP 04088-001 Filiado a ADJORJ Associação dos Jornais do Interior Sistema de distribuição dirigida Matérias pagas ou autografadas não representam necessariamente a opinião deste jornal. Jornal Regional
POSTOS DE DISTRIBUIÇÃO CAÇAPAVA: Na banca da Praça das Bandeiras e outras da cidade. CAMPOS DO JORDÃO: Livraria J. B. Pires Rua Dr. Djalma Forjaz, 211 - Capivari. CARAGUATATUBA: Salles Jornais e Revistas Rua Aluno Arantes. CUNHA: Banca da Várzea - Rua Augusta Galvao de França ( Ao lado do campo de futebol) JAMBEIRO: Praça Almeida Gil, 19 - Centro - Papelatia Bangalo LAGOINHA: Parada Obrigatória - Praça Pedro Alves Ferreira,65 MONTEIRO LOBATO: Banca do Lu Praça Com. Freire. NATIVIDADE DA SERRA: Banca de Natividade e Panificadora Pão Zico Rua Lírio da Serra. Banca Nossa Senhora de Natividade PARAIBUNA: Prança Antonio Carvakho, 100 - Banca canto das Letras PINDAMONHANGABA: Distribuidora de Jornais e Rev. Rua Dep. César Claro 218. REDENÇÃO DA SERRA:Banca de Redenção Av. 7 de setembro, 258 - Claudia e Goreti SANTO ANTÔNIO DO PINHAL: Na banca de jornal da cidade (Estação rodoviária). SÃO BENTO DO SAPUCAÍ: Na banca de jornal da cidade (Estação rodoviária). SÃO LUIS DO PARAITINGA: Banca da Praça - Praça Oswaldo Cruz, 18 TAUBATÉ: Irmãos Pascheta Ltda. Rua XV de Novembro, 504. TREMEMBÉ: Nas bancas de jornais da cidade. UBATUBA: D.D.P. Distribuidora de Publicidade Costa Verde - Praça Exaltação à Santa Cruz, 75 Este jornal é distribuído à todas as Prefeituras e Câmaras Municipais do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Região Serrana, além de vários órgãos Federais, Estaduais e Municipais.

18 de MARÇO 2010

Lucaas A GAZETA DOS MUNICÍPIOS

<333'

Página 4

Seleção Brasileira de Ciclismo convoca cinco atletas de Pinda
A CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo) divulgou na última semana a convocação da delegação que vai disputar os Jogos SulAmericanos de 2010, que começam na quarta-feira (17) e vão até o próximo dia 30, sendo disputado em Medellín, na Colômbia. Cinco atletas da equipe de Pindamonhangaba foram convocados, dado este, que só comprova a força da cidade no que diz respeito ao ciclismo. A velocista Sumaia Ribeiro e os meio fundistas, Thiago Nardin, Valquíria Pardial e Fernanda Souza, juntamente com Tiago Fiorilli, compõem o quinteto de peso, que sai de Pinda, para representar o Brasil. A delegação da Seleção Brasileira, que estava treinando no Rio de Janeiro, embarcou na segunda-feira (15) para a Colômbia, onde irá competir entre os dias 17 e 22.

Prefeitura de Pindamonhangaba e NovaDutra retomam Programa Estrada para a Cidadania
Neste mês, a Prefeitura de Pindamonhangaba, por meio da Secretaria de Educação e Cultura, e o Grupo CCR, holding controladora da Concessionária Nova-Dutra, estão reiniciando as atividades do Programa Estrada para a Cidadania. No município, o programa atende cerca de 2 mil alunos com idades entre 7 e 10 anos e envolve aproximadamente 80 educadoresO objetivo do projeto é levar informações sobre segurança de trânsito e cidadania a alunos de 3ª série (4º ano). O conteúdo didático exclusivo do Programa Estrada para a Cidadania leva em consideração a transversalidade entre matérias. Isso significa que um mesmo assunto pode começar a ser tratado na aula de história e prosseguir na aula de geografia, unindo aos conteúdos tradicionais informações sobre trânsito e cidadania.Todo o conteúdo é ministrado pelos educadores municipais. Para facilitar a sua assimilação pelas escolas, o Programa treina esses professores, com sugestões de exercícios, trabalhos e

A GAZETA DOS MUNICÍPIOS

CAÇAPAVA • CAMPOS DO JORDÃO • CARAGUATATUBA • CUNHA • ILHABELA • JAMBEIRO • LAGOINHA • MONTEIRO LOBATO • NATIVIDADE DA SERRA • PARAIBUNA • PINDAMONHANGABA • REDENÇÃO DA SERRA • SANTO ANTONIO DO PINHAL •SÃO BENTO DO SAPUCAÍ • SÃO LUIZ DO PARAITINGA • TAUBATÉ • TREMEMBÉ • UBATUBA
ANO XX 18 DE MARÇO DE 2010 Nº 12/186 DIRETOR RESPONSÁVEL: DANIEL D. RIBEIRO R$ 1,00

A GAZETA

DOS

MUNICÍPIOS

A GAZETA DE TREMEMBÉ

Prefeitura e Sucen fazem parceria para Plano de Ação de combate à dengue em Taubaté

IPTU 2010 pode ser retirado na Prefeitura ou Subprefeitura de Pindamonhangaba

Unitau reúne 70 crianças na primeira edição do projeto Hospital do Ursinho
A Universidade de Taubaté (Unitau) promoveu no sábado, dia 13 de março, a primeira edição do Hospital do Ursinho, projeto que objetiva criar uma atmosfera de confiança entre a criança e o médico por meio de atividades lúdicas (foto). Realizado na sede da Pastoral da Criança, no Parque Urupês, em Taubaté, o evento contou com a presença de mais de 70 crianças, de três a oito anos, que levaram seus brinquedos “doentes” para a simulação de uma consulta médica.Com a participação de 25 alunos dos cursos de Medicina, de Psicologia e de Fisioterapia da Universidade, sob a orientação de professores, o projeto promoveu uma série de atividades lúdicas com o objetivo de conscientizar as crianças quanto à importância das consultas médicas e do uso dos medicamentos. “As crianças participaram ativamente das atividades e, durante a consulta, relatavam o que o seu brinquedo estava sentindo com bastante naturalidade, observando, dessa forma, que não tinham motivo algum para ter medo do médico e se conscientizando sobre a importância de uma vacina ou de um remédio para a prevenção de doenças”, explica a Profa. Dra. Maria Stella Amorim da Costa Zöllner, coordenadora do projeto. Para a aluna Priscila Vitor Ferreira, do curso de Medicina, a participação no projeto oferece uma importante contribuição para o desenvolvimento profissional dos estudantes universitários. “Participar dessa primeira atividade do Hospital do Ursinho foi uma experiência muito enriquecedora, tanto para o meu crescimento profissional quanto pessoal. Durante os atendimentos, tivemos de aprender a lidar com situações diferentes e inesperadas, como acontece no dia-a-dia da nossa profissão”, afirma.Além de auxiliar as crianças, o Hospital do Ursinho visa, também, proporcionar aos estudantes de Medicina, desde os primeiros anos do curso, um contato com pacientes, ajudando na formação de médicos mais sensíveis e empáticos, além de incentivar uma melhor relação médicopaciente. As ações projeto serão desenvolvidas ao longo do ano com mais de 600 crianças assistidas pela Pastoral da Criança de T a u b a t é . O Hospital do Ursinho está inserido no Projeto de Extensão Saúde na Educação da Unitau e é realizado em parceria com a International Federation of Medical Students Associations of Brazil (IFMSA-Brazil), contando, ainda, com o apoio da Pastoral da Criança de Taubaté e da Liga de Puericultura, Pediatria e Adolescência (LPPA), que integra alunos de Medicina da Unitau.

atividades de sala. Além disso, a Concessionária oferece gratuitamente material de apoio aos professores e cartilhas a todos os alunos envolvidos.A preparação de diretores de escolas, coordenadores e professores acontece mensalmente por meio de palestras de sensibilização e oficinas de capacitação.Nas escolas, as aulas do Programa Estrada para a Cidadania acontecem semanalmente e algumas das atividades estão formatadas de maneira a envolver também os familiares das crianças, com exercícios que

precisarão ser realizados em casa. O Programa também conta com ações edu-cativas feitas na rodovia, com a participação de alunos e apoio da Polícia Rodoviária Fe-deral.Em 2010, a estimativa é que ocorram seis ações desse tipo, sendo que três delas deverão ser no trecho paulista da Dutra.Nessas ações, a polícia pára os veículos que estão trafegando e os desviam para postos de fiscalização, onde motoristas e passageiros recebem orientações de segurança feitas pelas próprias crianças.

Henrique visita Mercadão e ouve reivindicações dos comerciantes
A construção de bancas de alvenaria foi a principal reivindicação apresentada pelos comerciantes do Mercado Municipal ao presidente da Câmara de Taubaté, Henrique Nunes (PV). O vereador visitou o local sábado, 13, e ouviu pedidos de medidas necessárias para melhorar as condições de trabalho e atendimento. “Valorizo o contato pessoal e acredito que nada melhor do que ir ao Mercadão, por exemplo, para saber o que é preciso, tanto para quem trabalha como para o público que freqüenta. Acredito que o vereador tem que estar junto da população, já que tem o papel de representá-la,” afirmou.O presidente da Associação de Comerciantes e Feirantes do Mercado Municipal, Eduardo Bello da Silva, afirmou que o projeto das bancas de alvenaria está pronto e foi elaborado com a participação dos comerciantes e de representantes do Departamento de Planejamento da Prefeitura. Eduardo Bello explicou que o projeto prevê a construção de 2.200 metros de bancas, dotadas de sustentabilidade de laje, escoamento de água, ventilação, pontos de água e luz.”Tivemos uma reunião com o prefeito e provavelmente em abril ele irá apresentar o projeto para a Câmara. Pelo valor estimado para a obra, será necessária aprovação de remanejamento de verba do orçamento e por isso contamos com o apoio dos vereadores,” adiantou.Henrique Nunes explicou que a aprovação de qualquer projeto de interesse público é votado em 48 horas, se necessário, caso não haja previsão orçamentária. “Não teremos problemas em aprovar uma medida que vai beneficiar trabalhadores e a população,” completou.

Maria Teresa pede mudanças no trânsito e melhorias na saúde
A vereadora Maria Teresa Paolicchi (PSC), em seus diversos requerimentos enviados ao prefeito de Taubaté, reivindica a ampliação das especialidades médicas para atendimento no Pamo do bairro das Caieiras. Ela ressalta que os moradores pedem a implantação de atendimento psicológico e psiquiátrico na unidade e, além disso, também sugerem que a médica ginecologista que atende no Pamo do bairro do Registro, fosse designada para prestar atendimento na unidade de saúde do bairro, pelo menos uma vez por semana.Em outro requerimento, a vereadora pede melhorias na sinalização no cruzamento das ruas Bartolomeu Bueno e Euclides da Cunha, na Vila Nogueira, tendo em vista que, por causa da deficiência na sinalização, há o risco de colisão de veículos no local. Além disso, após um ano de interdição da rua Bartolomeu Bueno para obras, a placa que indica a realização as obras ainda não foi retirada, apesar da rua já está liberada para tráfego, o que atrapalha a visão dos condutores.

O prefeito Roberto Peixoto reuniu em seu gabinete, na manhã desta terça-feira, 16, representantes da SUCEN (Superintendência de Controle de Endemias de Taubaté) e do departamento de saúde para elaborar plano de ação de prevenção e combate a dengue em Taubaté. Além dos representantes da saúde, também estiveram presentes os diretores dos departamentos de obras e serviços urbanos que farão parte do plano de ação.O Diretor Técnico da Sucen, Dalton Fonseca Jr., apresentou um relatório técnico de acompanhamento da situação no município e juntamente com a Coordenadora Técnica da V i g i l â n c i a Epidemiológica de Taubaté, Enfª Renata Ferreira de Oliveira, realizaram uma explanação sobre a situação do município, e apresentaram projeto para a criação imediata de um Plano de Ação para conter a proliferação do mosquito Aedes Aegypti.De acordo com o relatório apresentado pela Sucen, 80% dos casos de registrados na cidade estão limitados na área do bairro Jardim Mourisco e adjacências, por isso, as ações de controle irão se c e n t r a l i z a r , principalmente naquela região, no entanto os demais pontos onde foram detectados casos isolados estarão sob vigilância.Foi proposto realizar naquela região um “mega arrastão”, que incluiria visitas em todos os

domicílios, que serão realizadas por agentes de saúde, limpeza e retirada de entulhos de todos os terrenos, municipais e particulares, que ficou a cargo dos departamentos de obras e serviços urbanos, carro de som e panfletagem alertando a população, além de ações educativas.A partir de amanhã já tem início os trabalhos de limpeza de terrenos e retirada de entulhos e, posteriormente, será iniciada a divulgação aos moradores sobre as ações que estão sendo realizadas e cuidados que devem ser tomados, trabalho e as visitas domiciliares.O que é a dengue? A dengue é causada por quatro tipos de vírus (DEN-1, DEN-2, DEN-3 e DEN-4), dos quais três estão em circulação no Brasil. A enfermidade é transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti, conhecido por apresentar riscas brancas nas patas e picar no fim da tarde e início da manhã. Na dengue clássica, a virose costuma causar febre, falta de apetite, indisposição, enjôos, manchas vermelhas na pele e dores de cabeça, nas articulações e atrás dos olhos. Na forma hemorrágica, a forma mais grave, além dos sintomas típicos, pode haver sangramento em locais como o nariz e as gengivas.Como se prevenir? A melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular

água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d’água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros. Evite em ambientes em construção:Caixas de gordura e de fiação: quando não utilizadas ou em construção, devem ser esgotadas e tampadas. Caixas de fiação em uso também devem ser mantidas fechadas; Nas escavações, a água deve ser drenada diariamente, com bomba ou outro recurso;Equipamentos de trabalho, como carro de mão, baldes e latas, devem ser mantidos secos e abrigados da água; Materiais armazenados, a exemplo de telhas, vasos sanitários e caixas d’água, devem ser mantidos secos e abrigados.Lagos/ tanques ornamentais/ fontes:Devem ser limpos semanalmente, com escovação das paredes; Podem ser colonizados com peixes que comem larvas (peixe beta se alimenta de larvas de mosquito e são muito eficientes); Aqueles abandonados devem ser recuperados ou transformados em jardim.Poços/ cacimbas:Devem ser limpos periodicamente e mantidos vedados. Poço de elevador:Devem possuir sistema de esgotamento de águas residuais (bomba de sucção). Lajes: Aquelas que possam acumular água devem ser cobertas/ telhadas.

Quem ainda não recebeu o carnê do IPTU 2010, deve retirá-lo na sede da Prefeitura de Pindamonhangaba ou na Subprefeiutura de Moreira César. Para pegar o material é necessário levar o carnê de 2009.Quem tiver dúvida sobre o IPTU deve ligar para (12) 36445660.Prefeitura concede descontos de 2, 5 e 10% no IPTU 2010.Cota única ou primeira parcela vence dia 28 de fevereiro; segunda parcela, dia 15 de março; as demais todo dia 15.Os contribuintes que pagarem o IPTU 2010 (Imposto Predial e Territorial Urbano) à vista terão 10% de desconto; quem optar pelo pagamento em duas vezes terá 5% de abatimento; e quem parcelar o tributo em mais vezes conseguirá 2% de redução no valor.O IPTU 2010 poderá ser parcelado em até 10 vezes, desde que cada parcela não seja inferior a R$ 28,93 (50% da UFMP – Unidade Fiscal do Município de Pindamonhangaba), e os descontos serão concedidos para todos que pagarem em dia.”A

primeira parcela/cota única vence dia 28 de fevereiro; a segunda tem vencimento no dia 15 de março e as demais parcelas nos dias 15 subsequentes”, disse o secretário de Finanças, Silvio Serrano.Ele frisou que, “no caso de pagamento à vista (cota única), na folha para pagamento vem impresso os 10% de desconto; no caso de pagamento em duas ou mais vezes, a redução do valor deverá ser calculada pelo caixa”.Os 63.000 carnês de Pindamonhangaba estão chegando aos proprietários dos imóveis e quem ainda não recebeu deve retirá-lo na sede da Prefeitura ou na Subprefeitura de Moreira César, munido do documento do ano anterior.A Prefeitura vai investir o dinheiro arrecadado em melhorias nas áreas de saúde, educação, obras de infraestrutura, assistência social, esporte, cultura e outros serviços. A estimativa é arrecadar aproximadamente R$ 21 milhões.Campanha mostra onde Prefeitura usa dinheiro do IPTU.Uma campanha iniciada esta semana

evidencia à população as áreas onde a Prefeitura mais investe o dinheiro arrecadado com IPTU. De acordo com cartazes, panfletos e vídeos veiculados na televisão, o imposto de Pindamonhangaba é utilizado na compra de remédios, realização de exames, contratação de médicos, distribuição de merenda e material escolar, construção de escolas e creches, obras de infraestrutura, construção de casas populares, prédios esportivos e outros projetos.Para se ter uma idéia, na saúde, em 2009, a P r e f e i t u r a entregou mais de 2,3 milhões de medicamentos de 427 tipos diferentes. Na educação, para 2010, a merenda será entregue a 32 mil alunos – entre rede municipal e estadual, além disso a Prefeitura distribuirá material escolar a 12 mil alunos.A campanha também elucida as formas de pagamento do IPTU – que terá descontos que variam de 2 a 10% dependendo de quantas vezes o contribuinte optar pelo pagamento.

Prefeito de Taubaté recebe representantes dos feirantes e lojistas do mercado municipal
Representantes dos feirantes e lojistas do mercado municipal de Taubaté, acompanhados pelo presidente da Associação dos Comerciantes do Mercado Municipal e dos Feirantes do Município de Taubaté, Eduardo Bello da Silva, foram recebidos pelo prefeito Roberto Peixoto, em seu gabinete, na tarde do dia 15. Esteve presente a primeira dama e presidente do FUSSTA - Fundo Social de Solidariedade, Profª Lú Peixoto, a quem os feirantes apresentaram agradecimentos pelo apoio que ela sempre deu a categoria. O encontro teve como objetivo definir a 2ª fase da reforma do Mercado Municipal. O projeto desenvolvido pela prefeitura foi realizado com base nas necessidades informadas pelos feirantes. Eduardo Bello concordou que não existe atrasos, porque todo o levantamento realizado por eles para fornecer informações à prefeitura, as reuniões e debates que foram feitas com responsáveis pelo projeto, foram necessárias para que a reforma venha atender as necessidades de todos, comerciantes e clientes. “O projeto atende a essas necessidades e este estudo teve a participação de todos e levou tempo para ser realizado”, afirmou Bello.O prefeito falou de seu anseio em realizar esta obra, e informou que ela está incluída no PPA (Plano Plurianual) que será enviando até o dia 30 de abril para a Câmara Municipal, e que posteriormente será dado inicio ao processo de licitação.