You are on page 1of 2

(TJ-MG 100240586465550011 MG 1.0024.05.864655-5/001(1), Relator: D.

VIÇOSO RODRIGUES, Data de Julgamento: 11/03/2008, Data de Publicação:
05/04/2008)
AGRAVO DE INSTRUMENTO - QUESITOS SUPLEMENTARES - APRESENTAÇÃO
APÓS LAUDO PERICIAL - IMPOSSIBILIDADE. É inadmissível apresentação de
quesitos suplementares após a entrega do laudo pericial em cartório, sob
pena de infringência ao disposto no artigo 425, do CPC.

(TJ-PR - AI: 7290880 PR 0729088-0, Relator: Clayton Camargo, Data de
Julgamento: 30/03/2011, 12ª Câmara Cível, Data de Publicação: DJ: 610)
AGRAVO DE INSTRUMENTO - AÇÃO DE INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS
CUMULADA COM PEDIDO DE REPETIÇÃO DE INDÉBITO - APRESENTAÇÃO DE
QUESITOS SUPLEMENTARES APÓS A ENTREGA DO LAUDO PERICIAL IMPOSSIBILIDADE - PRECLUSÃO - ELUCIDAÇÃO DE LAUDO PERICIAL EM
AUDIÊNCIA DE INSTRUÇÃO - POSSIBILIDADE - JULGAMENTO ANTECIPADO DA
LIDE - IMPOSSIBILIDADE - DECISÃO PARCIALMENTE ALTERADA - RECURSO
PARCIALMENTE PROVIDO -

(TJ-SP - APL: 994071247802 SP , Relator: Paulo Dimas Mascaretti, Data de
Julgamento: 01/09/2010, 8ª Câmara de Direito Público, Data de Publicação:
13/09/2010)
AGRAVO RETIDO ? Não reiteração em razões de apelação - Aplicação do
disposto no art. 523, § Io, do Código de Processo Civil - Recurso não
conhecido PROVA TESTEMUNHAL - Indeferimento pelo juízo "a quo" - Acerto
do "decisum" - Juiz que é o destinatário direto da prova e somente a ele
cumpre aferir sobre a necessidade ou não da sua realização - Solução da
matéria controvertida, ademais,que reside realmente apenas no exame da
prova pericial já realizada,não se mostrando pertinente a inquirição de
testemunhas, cujas afirmações não se prestam a abalar as conclusões
obtidas pelo perito judicial - Inadmissibilidade, outrossim, de apresentação
de quesitos suplementares após a entrega do laudo pericial, máxime pela
parte que deixou de fazê-lo em relação aos principais quando oportunizadaInteligência do art. 425 do CPC- Agravo retido não provido.AÇÃO DE
INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS E MATERIAIS - Responsabilidade civil do
Município corretamente pronunciada em primeiro grau ? Relação de
causalidade entre o mau funcionamento do serviço público e o acidente
ocorrido com a vítima perfeitamente delineada na espécie ?Deficiência nas
obras de escoamento das águas pluviais que evidencia

APRESENTAÇÃO APÓS A ENTREGA DO LAUDO.O art.02.Após a conclusão do laudo pericial. 435 DO CPC.AG: 105120 RJ 2002. mas. Data de Publicação: DJU .(TRF-2 . inclusive com sua apresentação em cartório. PROVA PERICIAL. 425 do CPC é expresso ao exigir que os quesitos suplementares sejam apresentados durante a diligência. DISPOSITIVO QUE ADMITE PEDIDO DE ESCLARECIMENTO EM RELAÇÃO AO LAUDO JÁ ELABORADO. portanto. 425 DO CPC. ART. . . .Agravo de instrumento desprovido. antes.Página::152) PROCESSUAL CIVIL. Data de Julgamento: 07/05/2008. assim como para oferecer quesitos suplementares. .Data::15/05/2008 . RECURSO DESPROVIDO. QUINTA TURMA ESPECIALIZADA. ART. a parte autora atravessou petição para fins de impugná-lo parcialmente.01. AGRAVO DE INSTRUMENTO.O art. não autoriza a formulação de novos quesitos. 435 do Código de Processo Civil. considerado tal momento como o da entrega do respectivo laudo em cartório. tão-somente. QUESITOS SUPLEMENTARES. da conclusão desta. . Relator: Desembargadora Federal VERA LUCIA LIMA. que as partes peçam esclarecimentos dirigidos ao perito em relação ao laudo já confeccionado.045387-1. ao contrário do defendido pelos recorrentes. IMPOSSIBILIDADE.