Tratamentos Superficiais

Universidade Federal do Pará
Campus de Tucuruí-Pa
Faculdade de Engenharia Civil

Abner Martins
André Itaiguara
Luiz Lima Jr
Vagner Guimarães

Tucuruí – PA
2010
Tratamento Superficial
Universidade Federal do Pará
Campus de Tucuruí-Pa
Faculdade de Engenharia Civil

Engenharia
Civil
2005
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
• A maneira mais comum de se combater a
deteriorização dos mais diversos tipos de
materiais é proteger as superfícies, aplicando-
lhes uma película resistente que impeça a
ação dos agentes de destruição ou corrosão.
O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
• Essas películas podem ser obtidas pela
aplicação de tintas, vernizes, lacas ou
esmaltes.


As tintas que são os produtos mais usados
para proteger os materiais, são constituídos
essencialmente de uma suspensão de
partículas opacas (pigmentos) em veículo
fluído.
O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Suas principais funções:


Pigmentos:
- Cobrir e decorar as superfícies;


Veículo:
- Aglutinar as partículas e formar a
película de proteção.





Nota: As tintas modernas contém outros componentes adicionais.
O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Atualmente fabricam-se tintas que atendam
as mais diversas finalidades:

-Tintas luminescentes;

-Tintas que inibem o ataque de fungos,
bactérias, algas e outros organismos;

-Tintas resistentes ao calor;

- Tintas à prova de fogo, etc.
O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Emulsões:

São sistemas de dois líquidos imiscíveis, um
dos quais está disperso no outro na forma de
pequenas gotas.

 Com adição de uma pequena quantidade
de agente emulsionante, tal como um sabão,
ocorre uma redução na tensão interfacial
entre os dois líquidos.
Consequente ganho de estabilidade e
aplicabilidade da tinta, bem como maior
versatilidade nas suas composições.

O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Vernizes:

São soluções de gomas ou resinas, naturais
ou sintéticas em um veículo (óleo secativo,
solvente volátio).

Estas soluções são convertidas em uma
película útil transparente ou translúcidas, após
a aplicação em camadas finas.

O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Vernizes:

Existem dois tipos:

 À base de óleo:
- Contém uma resina e óleo secativo
como componentes básicos de formação de
película.

 À base de solventes:
- São convertidos em película útil
principalmente pela evaporação do solvente.

O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Lacas:

São compostas de um veículo volátil, uma
resina sintética, um plastificante, “cargas” –
geralmente álcoois e hidrocarbonetos, e
ocasionalmente um corante.

Um exemplo interessante deste tipo de
cobertura é a aplicação de esmaltes à base
de resina epóxi para proteção do interior de
carros tanques, para transporte de produtos
como soda cáustica, soluções salinas,
álcoois, petróleo, ácidos diluídos e
hidrocarbonetos aromatizados.

O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Esmaltes:



São obtidos adicionando-se pigmentos aos
vernizes ou as lacas, resultando uma tinta
caracterizada pela capacidade de formar um
filme excepcionalmente liso.

O TRATAMENTO SUPERFICIAL
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Revestimento
Impermeabilizante
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
• Impermeabilizações de fundações;

• Lajes de cobertura;

• Lajes de pavimentos de cozinha;

• Banheiros;

• Reservatórios de água;

• Piscinas.
REVESTIMENTO
IMPERMEABILIZANTE
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
• Absorção mínima de água;

• Diminuição de até 15% do peso do telhado em
dias chuvosos;

• Menor empenamento do madeiramento;

• Impenetrabilidade e impermeabilidade;
VANTAGENS
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
• Telhas sem vazamento após longos períodos de
chuva;

• Eliminação da porosidade das telhas (anti-algas
e fungos);

• Conserva as características do produto acabado;

• Elimina o envelhecimento precoce da telha;

• Tratamento com melhor custo/benefício do
mercado.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VANTAGENS
HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
São produtos que tem a finalidade de conferir ao
material aplicado repelência à água e óleo, além
de proteger e impermeabilizar o substrato sem
modificar suas características visuais.
HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas

A Figura mostra ângulo de contato da água na
superfície de um granito sem tratamento (a) e
após o tratamento com um hidrofugante à base de
silicone (b).
HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Recobrimentos dos poros do substrato pelo
produto hidrofugante.
HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
 Resinas de Silicone : Liquidos a base se silicone
em solvente, entram em contato com a superficie,
procuram tampar todos os poros.


 Siloxanos: São parentes dos silicones, porem
com maior poder de penetraçãoa base de siloxano
oligomérico, durabilidade elevada.

Pinturas Acrílicas: Resistem ao choque Térmico
penetrando na superficie e formando um filme
duravél

HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
TIPOS:
 Não forma filme.

Não da brilho.

Não alteram visualmente a superficie.

Resiste a alcalinidade do substrato.

HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Vantagens Silicone e Siloxanos:
Os Hidrofugantes são aplicados em:

•Telhas;
•Tijolos;
•Concreto aparente;
•Produtos cerâmicos;
•Pedras;
•Mármores;
•Granitos;
•Substratos porosos.
HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Contra indicação silicon:

Não deve ser aplicado em perficies horizontais
Ex. lajes, tanques

HIDROFUGANTES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas

Preparo do Substrato:
As superfícies devem estar limpas e secas sem
restos de verniz, desmoldantes, graxas, pó, fungos
ou bolor.
APLICAÇÃO DO PRODUTO
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas

Aplicação:
Aplicar a impermeabilização a base de silicone ou
siloxanos com trincha ou pulverizador de baixa
pressão, em 2 demãos suficientemente fartas para
deixar o produto escorrer.
Deve ser aplicado com tempo estável, pois requer
cerca de 6 horas para secar, a 25º C.
APLICAÇÃO DO PRODUTO
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
FABRICANTE PRODUTO CONSUMO
Vedacit Silicone Vedacit 1 a 8 m²/l *
Vedacit Acquella 1 a 8 m²/l *
Viapol Silicone Viapol k-154 0,3 a 1,0 l/m² **
* Depende da porosidade
** Depende do substrato
PRODUTOS COMERCIAIS
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Forma um filme transparente, impermeável,
de alta resistência à abrasão e às intempéries.

Não descasca e mantém praticamente
inalterada a aparência dos materiais, apenas
realçando a sua tonalidade natural.

 Proporciona superfícies impermeáveis e
confere ótima aparência.

Aumenta a resistência ao desgaste e facilita a
limpeza dos pisos.
À BASE DE RESINAS
(ACRÍLICAS E SINTÉTICAS)
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
À BASE DE RESINAS
(ACRÍLICAS E SINTÉTICAS)
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
À BASE DE RESINAS
(ACRÍLICAS E SINTÉTICAS)
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
À BASE DE RESINAS
(ACRÍLICAS E SINTÉTICAS)
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Verniz é uma película de acabamento quase
transparente que é formado sobre as superfícies
lisas.

São empregados como sistema de proteção
contra água, agentes agressivos, carbonatação,
eflorescências, penetração de água sobre
pressão.
VERNIZES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Pontos Positivos
•Elevada aderência ao substrato
•Boa impermeabilidade à água, mesmo sob
pressão
•Resistente a vapores agressivos do meio
ambiente
•Baixa permeabilidade ao vapor d´água
•Resistente à alcalinidade do substrato
•Resistente a fotodecomposição dos raios
ultravioletas do sol
•Boa durabilidade

VERNIZES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Pontos Positivos
•Manutenção simples e de baixo custo
•Não manchar ou alterar as características do
substrato
•Não possuir substâncias pegajosas que venham
a permitir a aglutinação de pó ou fuligem em
suspensão
•Resistente ao ataque de microorganismos
•Resistente ao ataque químico quando aplicado
em regiões de micro-clima agressivo
•Proporcionar aspecto uniforme e estético

VERNIZES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Tipos de Vernizes
Acrílicos (base água ou solvente)
Resinas termoplásticas, propriedade que permite a
aderência de novas camadas, sem a necessidade
de artifícios como lixamento entre demãos.

São os mais utilizados para o tratamento do
concreto aparente:
•Não mancham o concreto;
•Opções de acabamento brilhante, acetinado ou
fosco;
•Facilidade de conservação com aplicação de
demãos posteriores, sem perda de aderência
•Melhor custo x benefício;
VERNIZES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas

Tipos de Acrílicos

Resinas acrílicas puras (homopolímero) - resistem
bem à ação dos raios ultravioletas do sol.

Resinas acrílicas estirenadas (copolímeros) - Não
resistem aos raios ultravioletas do sol, pois sofrem
craqueamento e amarelamento, sendo indicado
somente para áreas internas.
VERNIZES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
Acrílico estirenado
Acrílico puro
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Poliuretano

Resinas termofixas, mono que se polimerizam
em contato com o meio ambiente ou bi-
componentes, que polimerizam através de um
catalizador.

Não permite a aderência de novas camadas,
sem a necessidade de artifícios como lixamento
entre demãos.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Tipos de Poliuretano

Resinas aromáticas - não resistem aos raios
ultravioletas do sol, pois craqueam, amarelam e
ficam foscos, sendo indicado somente para
áreas internas.
Resinas alifáticas - resistem bem à ação dos
raios ultravioletas do sol.

- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Indicações do Poliuretano:

•Muito resistente a agentes químicos
•Indicados para locais de elevada agressividade
química
•Alifáticos possuem elevada resistência aos raios
ultravioletas do sol
•Tempo limitado na aplicação entre demãos (shel
•life)
•Alifáticos » tempo limitado de utilização após a
mistura do catalizador (pot life)
•Manutenção difícil, sendo necessário o
lixamento e estucamento para nova aplicação
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Etapas da Aplicação:
1º Passo:
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
2º Passo:
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Detalhe da parede estucada.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Detalhe da parede da aplicação.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Exemplo de obra
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Produtos utilizados no mercado
1. VEDACIL MAX (VEDACIT)
Verniz acrílico de alta proteção.

Caracteristica:
VEDACIL MAX é um verniz acrílico de alta resistência, que
forma uma barreira de proteção superficial contra as
intempéries e os raios ultravioleta.
Pode ser aplicado até mesmo em determinados
ambientes agressivos como atmosferas
marítimas.

- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Aplicação:
Proteção interna e externa de pisos e fachadas em
superfícies porosas de:

•Concreto aparente;
•Alvenaria à vista;
•Pedras naturais;
•Pisos industriais;
•Telhas;
•Cimentados (não queimados).
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Produtos utilizados no mercado
2. DENVERNIZ (DENVER)
Linha de vernizes acrílicos

Linha de vernizes à base de resina acrílica pura,
não estirenada, composta por três tipos:
Denverniz Acqua: Formulado à base de resina acrílica
pura, não estirenada, dispersa em água, para uso externo
(somente como primer selador) e interno, com acabamento
semibrilho.
Denverniz SB: Formulado à base de resina acrílica pura,
não estirenada, dispersa em solvente, para uso externo e
interno, com acabamento semibrilho.
Denverniz SF: Formulado à base de resina acrílica pura,
não estirenada, base solvente, para uso externo e interno,
com acabamento semifosco.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Aplicação:
•Tratamento de superfícies verticais ou
horizontais de concreto aparente;
•Tijolos e blocos aparentes;
•Pedras naturais;
•Cerâmicas;
•Telhas;
•Placas de fbro-cimento.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Produtos utilizados no mercado
3. DENVERNIZ PU ALIFÁTICO (DENVER)
Verniz à base de resina de poliuretano alifático

Verniz à base de resina de poliuretano
alifático, bicomponente, com acabamento
transparente e brilhante.

- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
VERNIZES
Aplicação:
É indicado como tratamento superfcial para:
•Concreto aparente;
•Áreas internas e externas;
•Como acabamento transparente protetor para
fachadas e paredes;
•Pisos de concreto;
•Ardósia;
•Cerâmicas.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
São materiais indicados para uniformizar a
porosidade das superfícies, impedindo o
contato da água com o substrato
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
Locais de aplicação dos seladores
Argamassas
Concretos
Fachadas
Pisos
Revestimentos
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
Por que devo utilizar um selador em paredes novas?


As paredes novas tendem a deixar resíduos
na superfície, possuem alta absorção e
também possuem absorção muito irregular
que além de consumir muita tinta tendem a
deixar o acabamento manchado e diminuir a
fixação da tinta.

- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
Devo aplicar sempre selador ates de pintar?


Você deve aplicar o selador sempre que a parede for
nova ou quando estiver muito castigada pelo tempo,
possuindo partes soltas ou com absorção desuniforme.

O selador serve para corrigir a absorção da parede,
bem como para fixar resíduos que passam
desapercebidos na preparação da parede para a
pintura.

O selador gera economia de tinta no acabamento
final.

- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
MATERIAIS COMERCIALIZADOS.


VEDAFIX é um adesivo e selador de base acrílica
compatível com cimento e cal.

Tem ação adesiva que aglutina as partículas do cimento e
dos agregados, proporcionando melhor trabalhabilidade e
maior aderência da argamassa aos substratos.

Evita fissuras de retração e aumenta a resistência ao
desgaste.

- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
RENDIMENTO:


Consumo aproximado.

-Argamassas e chapiscos - 400 g/m²/cm

- "Primer" selador - 200 g/m²
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
MODO DE APLICAÇÃO:


Preparo do substrato
As superfícies devem estar limpas, ásperas, úmidas (exceto
na aplicação como "primer" selador para VEDACIL) e isentas
de pó.
Preparo do produto
Misturar antes de usar.
Aplicação
Adicionar VEDAFIX à água de amassamento na proporção
de 1:2 (VEDAFIX:água).
Utilizar traços cimento/areia de 1:2 a 1:3, conforme a
aplicação.
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
SELADORES
EXEMPLO DE OUTROS MATERIAIS COMERCIALIZADOS:

SIKAGARD SELADOR CERAMFIX SELADOR
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
REFERÊNCIAS
BIBLIOGRÁFICAS
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
- Vernizes
- Seladores
- Revestimento
Impermeabilizante
- Hidrofugantes
- Tratamento
Superficial
- Referências
Bibliográficas
• BAUER, L. A. Falcão. Materiais de construção, vol.
2. 5ª ed. São Paulo: Livros técnicos e científicos
editora, 2007.

• Vedacit, manual técnico. 45ª ed.

• Viapol, manual técnico. 8ª ed. maio/2009


REFERÊNCIAS
BIBLIOGRÁFICAS